LIMPEZA ULTRASSÔNICA funciona BEM? Nós testamos!

publicidade

Você já ouviu falar, alguma vez na vida, em limpeza ultrassônica? Sim, é isso que mesmo que você leu: acabou de chegar uma máquina de limpeza ultrassônica e nós, claro, testamos para saber se, de fato, esse equipamento funciona ou se é propaganda enganosa.

publicidade

A máquina que limpa tudo

A máquina de limpeza ultrassônica veio diretamente da China – para variar – e custou R$ 290,00. Esse equipamento tecnológico, para quem não faz ideia do que se trata, é muito utilizado na indústria e em locais como consultórios dentários, estéticos e por aí vai.

Isso porque, a maior finalidade dessa máquina é limpar lugares muito estreitos e/ou apertados que, normalmente, não conseguem ser higienizados de forma prática e rápida.

No entanto, vale lembrar que, quando falamos em máquina de limpeza ultrassônica de alto desempenho, estamos falando das industriais que são maiores, mais caras e, até mesmo, mais usuais porque, de fato, elas contam com uma tecnologia de peso e funcionam. Mas, como apontado anteriormente, o Manual do Mundo comprou uma de uso pessoal para testar a sua funcionalidade.

O que é limpeza ultrassônica

Mas, afinal, que tecnologia é essa? O que é uma máquina de limpeza ultrassônica? Contextualizando, ultrassom nada mais é do que uma vibração que é mais rápida do que o próprio som. Isso porque, o som é uma vibração que a gente consegue captar com os nossos ouvidos e que está, mais ou menos, a uma vibração de 20 vezes por segundos e 20 mil vezes por segundo. Ou, trazendo para uma linguagem mais técnica, 20 hertz e 20 mil hertz.

Nesse caso, o ultrassom é uma coisa que está acima de 20 mil hertz e, por isso, é uma vibração que não conseguimos ouvir.

Se tratando da máquina de limpeza ultrassônica, a partir do momento que ela é ligada, a água começa a se movimentar em volta do objeto que está lá dentro. Aí, na borda desse objeto, começam a surgir micro bolhas de vapor de água que são causadas por causa do vácuo e abre um espaço entre a água e esse objeto.

Mas quando essa bolha se desfaz – tendo em vista que ela não dura quase nada. A bolinha enche e depois ela implode. Quando ela faz isso, ela acaba criando um micro jatinho de água e é justamente esse fenômeno o responsável pela limpeza desses lugares “intocados”.

Vamos aos testes

Mas de nada adianta toda essa teoria se, na prática, a máquina não funcionar. Por isso, para garantir que o instrumento realmente funciona, foram utilizados uma série de objetos.

E você tem ideia do resultado? Alerta de gatilho para os apaixonados por limpeza: deu muito certo! Alguns objetos ficaram limpos apenas com água, mas outros só adquiriram a aparência desejável após a utilização de um produto de limpeza multiuso.

Como já mencionado, vários objetos foram utilizados, inclusive um óculos, brocas, alicates, moedas e muito mais. Mas, para você se certificar de que o resultado foi positivo, você vai precisar assistir o vídeo na íntegra. Ah, e já que você chegou até aqui, não esqueça de compartilhar esse vídeo com aquele seu amigo que adora ver tudo bem limpinho e brilhando.

Deixe seu comentário

Artigo anterior“Café e Ciência”: o canal estimulado por perguntas complexas
Próximo artigoPlástico biodegradável: projeto busca produzir material a partir resíduos agroindustriais