O PÁSSARO que BEBE ÁGUA para SEMPRE

publicidade

Será que é possível construir uma máquina que se mexe sozinha e para sempre? Nesse “Acabou de chegar” mostramos um brinquedo em formato de pássaro que chega bem perto disso. Mas e se a gente conseguisse transformar esse movimento em energia elétrica, por exemplo, teríamos um gerador de energia infinita? Por mais complexo que isso possa parecer, nós desvendamos essa questão!

publicidade

Energia infinita

Com o aumento crescente dos gastos com a conta de luz, água, etc, economizar é sempre um bom caminho. Nesse caso, seria perfeito se existisse um gerador de energia infinita. Assim, os custos diminuíram e até o cuidado com o meio ambiente seria benéfico.

No entanto, cientificamente falando, gerar energia infinita é impossível. Isso porque, iria de encontro com, pelo menos, uma das duas leis da termodinâmica. Segundo a Primeira Lei, não podemos criar energia, e sim, transformá-la entre suas diversas formas.

Pássaro que bebe água sem parar

Mas e o nosso brinquedo? Levando em consideração que ele se movimenta sem parar, sem pilha ou coisa do tipo, isso não seria o suficiente para gerar energia infinita?

Na verdade, não! Isso porque, ele utiliza a diferença de temperatura – uma parte quente e outra fria – para funcionar e fazer com que o sistema trabalhe como se fosse uma espécie de gangorra.

E apesar do passarinho ser, teoricamente, capaz de funcionar sem parar, a energia que ele usa para se movimentar tem que estar vindo de algum lugar, neste caso, do calor trocado com o ambiente.
No fim das contas o “pássaro sedento” não está gerando energia nenhuma, mas só transformando calor em movimento.

Além disso, a quantidade de energia gerada pelo brinquedo seria muito pequena, já que as transformações de energia envolvidas têm uma eficiência muito baixa.

Agora que você entendeu mais sobre energia infinita e como o passarinho que bebe água sem parar não é capaz de produzi-la, não deixe de assistir ao vídeo na íntegra para entender outros aspectos do objeto e também de compartilhar com aquele seu amigo que adora nossos testes.

Deixe seu comentário

Artigo anteriorOBSERVATÓRIO ASTRONÔMICO CASEIRO? #Boravê
Próximo artigoPor que a AREIA da PRAIA SECA quando PISAMOS?