COMO usar CELULAR com LUVAS

publicidade

Quem aí também sofre com a chegada do frio? É difícil até tirar a mão do bolso para mexer no celular, não é mesmo? E o pior, não dá para responder aquela mensagem ou curtir uma foto usando luvas… ou melhor, NÃO DAVA! Nós vamos te mostrar como usar celular com luvas!

publicidade

Isso mesmo, você vai aprender a fazer uma luva baratinha que funciona no touch screen. Como? Usando a ciência e a física, é claro!

Chega de ficar com a mão congelada nesse inverno toda vez que for responder no grupo da família ou dos amigos. E se você anda de moto ou trabalha usando luva, esse vídeo irá facilitar a sua vida! Aqui no Manual do Mundo nós também usamos luvas de proteção quando fazemos os experimentos, por isso, sabemos como é chato ter que toda hora parar e retirar o acessório para poder conferir algo no celular.

Por que não conseguimos usar celular quando estamos de luva?

Antes de mais nada, vamos entender como funciona uma tela touch de celular. As telas capacitivas possuem uma rede de fios no eixo X e no eixo Y onde fica passando energia. Ou seja, existem linhas horizontais e verticais todas entrelaçadas. Assim, quando encostamos ali qualquer coisa que tenha a capacidade de roubar energia, como o nosso dedo, por exemplo, cai um pouco a energia do celular naquele ponto em que foi tocado.

Isso mesmo, o nosso dedo rouba energia da tela. Nós somos condutores de energia, então, na hora em que encostamos na tela, sai um pouco de energia em nossa mão. Ao mesmo tempo, o celular reconhece aquele ponto que você encostou cruzando essa mudança de energia dos eixos x e y. E é assim que o touch screen funciona!

Por isso, quando você usa a luva normal, aquelas de algodão, ela bloqueia nosso contato com a tela. Para a tela funcionar com luva, é preciso colocar em contato com ela alguma coisa que consiga transmitir eletricidade, tenha uma área de contato mínima e consiga roubar energia.

Aprenda a fazer a luva touch

Vamos te ensinar a fazer a luva que funciona na tela touch de dois jeitos: no primeiro, vamos fazer usando um fio de cobre que encontramos dentro de um cabo comum. E no segundo, vamos usar uma linha condutiva.

Sozinho, o fio de cobre não rouba a energia da tela, por isso, precisamos costurá-lo de um jeito que tenha contato com nossa pele. Depois de costurado na ponta do dedo da luva, para melhorar a área de contato, fizemos uma pintura com cola e pó de grafite sobre a costura.

A linha condutiva é mais cara do que o fio de cobre, mas também é uma boa alternativa para usar com o celular. Vamos repetir a pintura de cola e grafite no dedo da luva para alcançar a mesma performance.

Simples e muito útil para o dia a dia, não é mesmo? E o melhor: você nem precisa tirar a luva para compartilhar esse conteúdo com seu grupo de amigos!

Deixe seu comentário

Artigo anteriorBaterias de aparelhos auditivos podem ser a solução para a energia renovável
Próximo artigoCientistas amadores contribuem com estudos sobre cigarras periódicas
Jornalista multimídia e produtora de conteúdo. Curiosa, gosto de ler de tudo um pouco - de livros gigantes até placas de trânsito. Sou fã dos quadrinhos da Mafalda, e todos meus animais de estimação têm nome de comida. Adoro contar uns contos, mas amarro bem os pontos.