COMO é FEITO um BAIRRO do ZERO? #Boravê

publicidade

Você já parou para pensar como é feito um bairro? Por se tratar de algo do nosso cotidiano, é normal deixarmos esses detalhes passarem despercebidos. No entanto, a idealização de um projeto desse tamanho leva tempo e muito estudo. E para mostrar um pouco como isso é feito, visitamos um loteamento da Setpar!

publicidade

Como é feito um bairro? 

O primeiro passo na construção de um bairro acontece quando uma construtora, como a Setpar, compra um terreno – também chamado de gleba – onde ainda não more ninguém mas que fique próximo a alguma cidade. A partir daí, parte desses loteamentos serão vendidos para futuros moradores e a outra metade será direcionada para o município, que vai utilizar essas áreas para construir creches, escolas, praças, etc.

Vale destacar que, antes da estruturação do bairro em si, um estudo é feito com antecedência para garantir que tudo siga as exigências necessárias para a idealização de um futuro projeto.

Depois que tudo é concluído, é feita uma demarcação topográfica para garantir que os terrenos tenham o tamanho adequado, fiquem no nível ideal, etc. A fase seguinte é chamada de terraplanagem – que é quando conseguimos ver a abertura das ruas.

E como o Manual do Mundo gosta mesmo de colocar a mão na massa, o Iberê deu uma mãozinha para ajudar na construção do bairro com o auxílio de uma pá carregadeira. No entanto, vale ressaltar que a sua participação foi encenada e todas as imagens foram captadas em ambiente controlado, monitorado pela equipe da Setpar e seguindo todos os protocolos de segurança necessários.

Estruturação do bairro

Ainda nessa etapa, muitos processos são fundamentais – tendo em vista que parte dessas fases nunca mais serão vistas, a exemplo da canalização. Assim sendo, as obras enterradas – como são conhecidas – suportam três redes: a de águas pluviais, a de água potável e a de esgoto. Todas sendo importantes para o desenvolvimento do bairro.

Outros aspectos importantes na construção de um bairro são as guias e as sarjetas. Elas vão servir para escoar a água até às bocas de lobo e separar ruas das calçadas.

Depois que isso é concluído, a infraestrutura elétrica começa a ser executada. Nessa fase são instalados os postes, o cabeamento, o sistema de para-raios e a iluminação pública.

Uma das últimas fases contempladas pela Setpar é a da pavimentação das ruas. Depois que ela é concluída começa o processo de sinalização e pintura das vias.

Por último, mas não menos importante, acontece a escolha dos nomes das ruas e do bairro, que precisam da aprovação da câmara municipal.

Agora que você chegou até aqui e já sabe como é feito um bairro, não esqueça de assistir ao vídeo na íntegra para ver de pertinho esse processo. Compartilhe também com aquele seu amigo que gosta de acompanhar o nosso quadro #Boravê!

Deixe seu comentário

Artigo anteriorO canal no Youtube que combina pesquisa, bom humor e “mimimi”
Próximo artigoUSINA que TIRA o SAL da ÁGUA do MAR? #Boravê