Torre de líquidos

publicidade

Assim como uma pilha de pratos, é possível colocar vários líquidos um sobre o outro, sem deixar que eles se misturem.

publicidade

O segredo é usar líquidos de densidades diferentes, e que não sejam solúveis entre si. Um bom exemplo é a água e o óleo: se enchermos dois copos, um com água e outro com óleo, veremos que o copo com água é mais pesado, ou seja, a água é mais densa. Ao mesmo tempo, esses dois líquidos podem ser misturados, mas nunca formam um líquido homogêneo. Sempre será possível ver onde está a água e onde está o óleo.

E você? Consegue empilhar mais que 5 líquidos?

VENCEDOR DO CONCURSO:

Deixe seu comentário

Artigo anteriorOvo psicodélico
Próximo artigoOs (quase) monstrinhos de maisena
Iberê Thenório é jornalista pela USP. Cocriador do Manual do Mundo, possui reconhecimento nacional e já foi eleito algumas vezes como personalidade mais influente entre os jovens brasileiros. Hoje, é diretor e apresentador no Manual do Mundo e palestrante.