A cabeça que desaparece (ponto cego)

publicidade

Há uma pequena área no fundo do nosso olho chamada ponto cego, onde não enxergamos nada. Essa “falha” é praticamente imperceptível, mas pode ser observada no vídeo abaixo:

publicidade

No nosso dia-a-dia, não vemos o ponto cego porque temos dois olhos, e um compensa o que o outro não vê. Quando tampamos um olho, contudo, o cérebro tenta compensar o ponto cego preenchendo a imagem com os elementos que estão na cena.

Deixe seu comentário

Artigo anteriorEntrevista com Paul Zaloom, o Beakman
Próximo artigoPegadinha do estalinho (para festa junina)
Iberê Thenório é jornalista pela USP. Cocriador do Manual do Mundo, possui reconhecimento nacional e já foi eleito algumas vezes como personalidade mais influente entre os jovens brasileiros. Hoje, é diretor e apresentador no Manual do Mundo e palestrante.