Cachorros não gostam de truques de mágica

publicidade

publicidade

Apesar do nosso título ser meio apelativo, essa é a conclusão que podemos tirar do vídeo abaixo – publicado pelo mágico Jose Ahonen – que está rodando as redes sociais nos últimos dias. Talvez seja um pouco precipitado dizer que cães não gostam de truques de mágica, mas é certo que se a mágica em questão envolver o desaparecimento de seus biscoitos favoritos, nossos amigos peludinhos vão ficar meio desorientados…

Achou maldade com os cachorrinhos? Então você provavelmente não vai aprovar a maneira encontrada pelo youtubber Andrew Elliot para colocar seu gato para fazer um pouco de exercício numa esteira:

E se você pensa que só bichinhos domésticos sofrem com a intervenção humana, veja o que acontece quando alguém atravessa uma corda no meio de uma colônia de pinguins no vídeo abaixo, publicado há bastante tempo, mas que começou a fazer sucesso mais recentemente na rede:

Mas quem pensa que os pobres animaizinhos indefesos estão acostumados a sofrer calados irá se surpreender com o nosso próximo vídeo. Trata-se de um experimento clássico do professor holandês especializado em comportamento de primatas Frans de Waal, da universidade de Emory, nos Estados Unidos, em que dois macacos-prego foram recompensados de formas diferentes para cumprir uma mesma tarefa. Confira o rompante de senso de justiça de nosso amiguinho após receber um pedaço de pepino enquanto seu colega recebia uvas:

E não pense que a insatisfação dos bichos acaba apenas em reclamações! Veja a reação de Marshmallow, um gatinho branco muito esperto, ao ser colocado dentro de uma gaiola (com tranca “a prova de animais”) em uma clínica veterinária na França:

Dificilmente conseguiríamos encontrar um grupo de humanos tão organizados para almoçar…

Pelo visto o YouTube não vai parar de nos fornecer provas de que os animais podem surpreender muitas vezes com atitudes quase humanas… Que o diga este vídeo emocionante que flagrou o último adeus de um grupo de girafas a seu tratador, com câncer terminal, num zoológico em Rotterdam, na Holanda:

Ficou emocionado? Caso alguém te flagre agora com os olhos marejados, tome cuidado ao usar a desculpa de que estava cortando cebola… Afinal, todo mundo já aprendeu nossa incrível técnica para cortar cebola sem chorar!

Deixe seu comentário