Baleias cachalotes conversam por dialetos

publicidade

Um novo estudo feito pelo brasileiro Maurício Cantor aponta que grupos de baleias cachalotes se comunicam através de um sistema de cliques e os sons podem ter dialetos diferentes, assim como a linguagem humana.

publicidade

Os cientistas descobriram que os animais começam a “falar” por dialetos ao copiar os sons de outras baleias locais, assim como as crianças aprendem o mesmo sotaque de seus pais.

Cachalotes. Foto: Marcelo Cantor

Para chegar a essa conclusão, os pesquisadores usaram um modelo computacional para mostrar que os diferentes sons observados na natureza só podiam ter surgido se as baleias estivessem aprendendo a se comunicar umas com as outras, excluindo a possibilidade da “fala” ser diferente por causa de herança genética ou separação geográfica.

A descoberta sugere que os processos de formação de culturas humanas também podem acontecer em animais que vivem em sociedades mais complexas, como as baleias.

Fonte: Science Magazine

Deixe seu comentário